30 de Dezembro

Sagrada Família

Se o Natal tiver sido ao domingo; não tendo sido assim, a Sagrada Família celebrar-se-á no domingo dentro da Oitava do Natal.

Da alocução de Paulo VI, Papa, em Nazaré, 5.1.1964:

O exemplo de Nazaré:

Nazaré é a escola em que se começa a compreender a vida de Jesus, é a escola em que se inicia o conhecimento do Evangelho. Aqui se aprende a observar, a escutar, a meditar e a penetrar o significado tão profundo e misterioso desta manifestação do Filho de Deus, tão simples, tão humilde e tão bela. Talvez se aprenda também, quase sem dar por isso, a imitá-la.
Aqui se aprende o m√©todo e o caminho que nos permitir√° compreender facilmente quem √© Cristo. Aqui se descobre a import√Ęncia do ambiente que rodeou a sua vida, durante a sua perman√™ncia no meio de n√≥s: os lugares, os tempos, os costumes, a linguagem, as pr√°ticas religiosas, tudo o que serviu a Jesus para Se revelar ao mundo. Aqui tudo fala, tudo tem sentido. Aqui, nesta escola, se compreende a necessidade de ter uma disciplina espiritual, se queremos seguir os ensinamentos do Evangelho e ser disc√≠pulos de Cristo. Quanto desejar√≠amos voltar a ser crian√ßas e acudir a esta humilde e sublime escola de Nazar√©! Quanto desejar√≠amos come√ßar de novo, junto de Maria, a adquirir a verdadeira ci√™ncia da vida e a superior sabedoria das verdades divinas!
Mas estamos aqui apenas de passagem e temos de renunciar ao desejo de continuar nesta casa o estudo, nunca terminado, do conhecimento do Evangelho. No entanto, n√£o partiremos deste lugar sem termos recolhido, quase furtivamente, algumas breves li√ß√Ķes de Nazar√©.
Em primeiro lugar, uma li√ß√£o de sil√™ncio. Oh se renascesse em n√≥s o amor do sil√™ncio, esse admir√°vel e indispens√°vel h√°bito do esp√≠rito, t√£o necess√°rio para n√≥s, que nos vemos assaltados por tanto ru√≠do, tanto estr√©pito e tantos clamores, na agitada e tumultuosa vida do nosso tempo. Sil√™ncio de Nazar√©, ensina-nos o recolhimento, a interioridade, a disposi√ß√£o para escutar as boas inspira√ß√Ķes e as palavras dos verdadeiros mestres. Ensina-nos a necessidade e o valor de uma conveniente forma√ß√£o, do estudo, da medita√ß√£o, da vida pessoal e interior, da ora√ß√£o que s√≥ Deus v√™.
Uma lição de vida familiar. Que Nazaré nos ensine o que é a família, a sua comunhão de amor, a sua austera e simples beleza, o seu caráter sagrado e inviolável; aprendamos de Nazaré como é preciosa e insubstituível a educação familiar e como é fundamental e incomparável a sua função no plano social.
Uma li√ß√£o de trabalho. Nazar√©, a casa do Filho do carpinteiro! Aqui desejar√≠amos compreender e celebrar a lei, severa mas redentora, do trabalho humano; restabelecer a consci√™ncia da sua dignidade, de modo que todos a sentissem; recordar aqui, sob este teto, que o trabalho n√£o pode ser um fim em si mesmo, mas que a sua liberdade e dignidade se fundamentam n√£o s√≥ em motivos econ√īmicos, mas tamb√©m naquelas realidades que o orientam para um fim mais nobre. Daqui, finalmente, queremos saudar os trabalhadores de todo o mundo e mostrar-lhes o seu grande Modelo, o seu Irm√£o divino, o Profeta de todas as causas justas que lhes dizem respeito, Cristo Nosso Senhor.

João Paulo II, na Carta dirigida à família, por ocasião do Ano Internacional da Família, 1994, escreve:

A Sagrada Fam√≠lia √© a primeira de tantas outras fam√≠lias santas. O Conc√≠lio recordou que a santidade √© a voca√ß√£o universal dos batizados (LG 40). Como no passado, tamb√©m na nossa √©poca n√£o faltam testemunhas do “evangelho da fam√≠lia”, mesmo que n√£o sejam conhecidas nem proclamadas santas pela Igreja…

A Sagrada Fam√≠lia, imagem modelo de toda a fam√≠lia humana, ajude cada um a caminhar no esp√≠rito de Nazar√©; ajude cada n√ļcleo familiar a aprofundar a pr√≥pria miss√£o civil e eclesial, mediante a escuta da Palavra de Deus, a ora√ß√£o e a partilha fraterna da vida! Maria, M√£e do amor formoso, e Jos√©, Guarda e Redentor, nos acompanhem a todos com a sua incessante prote√ß√£o.

Sagrada Família de Nazaré, rogai por nós!



21

Out

29¬ļ Domingo do Tempo Comum

Local: Basílica Santuário do Senhor do Bonfim

22

Out

Semana Mission√°ria da nossa Forania (padres e di√°conos)

Local: Basílica Santuário do Senhor do Bonfim

30

Set

Dia de S√£o Jer√īnimo - Dia da B√≠blia

Local: Basílica Santuário do Senhor do Bonfim